RETROCESSO Na proposta, Temer define 19 categorias como prestadoras de serviços e atividades que ele classifica como essenciais. Em caso de greve, elas terão de manter 80% dos servidores trabalhando. Na área de segurança pública, a exigência sobe para 90% (Foto: Beto Barata/PR)

Mais artigos...

Sub-categorias

Correio Caros Amigos

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
×