MECENAS RESPONSÁVEL PELO SUCESSO DE GESTÃO NO ATLÉTICO-MG, RUBENS MENIN FALA DO ENDIVIDAMENTO DE R$ 1 BI DO CLUBE

MECENAS RESPONSÁVEL PELO SUCESSO DE GESTÃO NO ATLÉTICO-MG, RUBENS MENIN FALA DO ENDIVIDAMENTO DE R$ 1 BI DO CLUBE
RUBENS MENIN ATLETICO-MG

O empresário Rubens Menin, um dos responsáveis por injetar dinheiro nos cofres do Galo por meio de empréstimos, fala sobre o crescimento da dívida. De acordo com ele, a dívida estava dentro do planejamento de fortalecer o time.

O momento que o Atlético-MG vive parece um paradoxo, pois o time busca títulos, contando um time cheio de estrelas, mas ao mesmo tempo também possui uma dívida global de mais de R$1 bilhão.

Mesmo estando no vermelho, o Atlético-MG tem grandes ambições dentro de campo. Isso ocorre por causa dos “mecenas”, que são os empresários milionários que colocam dinheiro nos cofres para trazer reforços e até mesmo para pagar os salários dos jogadores.

Entretanto, essa dívida gigantesca é também com eles. Porém, Rubens Menin, um dos mecenas, disse que o endividamento está dentro do planejado. Segundo ele, quando foi realizado o planejamento do Atlético, um dos compromissos do clube foi a manutenção do controle das finanças, além de aumentar o endividamento através de um empréstimo. “Todos sabiam que o clube ficaria mais endividado com a compra de jogadores. Ou seja, todo esse panorama estava dentro do planejamento”, afirma Rubens Menin.

A argumentação do fundador da MRV Engenharia, que é uma das patrocinadoras do time e dona do naming rights do futuro estádio, foi que houve um combinado entre diretoria, mecenas e conselho que o Atlético receberia os empréstimos, portanto, aumentaria suas dívidas e, em contrapartida, se tornaria um time capaz de ganhar campeonatos e valorizar seus atletas para depois vendê-los com uma grande margem de lucros e pagar suas contas.

A conquista de troféus passa por muitos fatores, não apenas pelo fator econômico, mas Menin vê a situação do Galo como favorável. De acordo com ele, o clube possui patrimônio líquido positivo. Portanto, na subtração da dívida global com os bens do clube, o saldo é positivo.

Ele disse ainda que o Galo tem essa dívida de mais de 1 bilhão porque o balanço ainda não saiu, pois do outro lado o clube ainda tem o shopping (49,9% do Diamond Mall) e uma arena (Arena MRV) que ficará pronta em breve, passando a vale cerca de R$ 1 bilhão, sem falar no elenco de jogadores que por baixo, vale mais de R$ 700 milhões.

MECENAS DO GALO FALA SOBRE DÍVIDAS

O empresário Rubens Menin também disse que você pode investir em jogador, depois vende e paga. Isso é o melhor dos mundos e quem critica isso não conhece gestão. Pois, gestão, é justamente cortar custos.

“A contratação de um treinador caro como Jorge Sampaoli ano passado pareceu um contrassenso. Mas isso foi feito antes da pandemia, pois o contrato já estava feito e não teve o que fazer a não ser seguir com ele”, disse Menin.

Ao ser questionado a respeito de manter o Atlético viável no dia a dia com os efeitos da pandemia, o empresário disse que foi perdido dinheiro nesse período, pois foram dois anos sem bilheteria. Esse foi o grande buraco no planejamento.

Na verdade essa pandemia está deixando um buraco para todos os times e não apenas para o Galo, pois são praticamente dois anos sem bilheteria. Mas, com todo o planejamento feito para o Atlético-MG, se tudo der certo, o futuro deve ser muito bom, pelo menos é o que acreditam os investidores.

admin

admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *